março 2010


Mark Twain diz que se você tiver que engolir um sapo vivo, faça isso logo cedo, assim nada pior poderá acontecer com você no dia todo…

Pois bem, eu tenho dois sapos para engolir, um é uma documentação para o governo e a outra é um trabalho de pós, ambos burocráticos e trabalhosos e chatos, especialmente a documentação.

Errei feio ao adiar, não façam como eu. Isso não fez meus sapos desaparecerem como nas minhas ilusões, enquanto eu fugia eles continuavam lá e no fundo eu sabia disso.  Eles me incomodaram por muito mais tempo, viraram uma fonte de stress dupla – agora além de ter que cumprir uma obrigação desagradável eu estou com o prazo apertadíssimo e chances de dar errado, ter que pagar multa, etc.  Passei meses olhando para eles e pensando neles, sentindo o terrível gosto de sapo antes mesmo de colocá-los na minha boca. Fora a desconfortável sensação de estar sendo covarde…

Por fim, errei feio ao comer o sapo com má vontade, tentando comer só a metade, tentando reduzir ou repassar para outro que quem sabe até goste, tentando mudar o sistema! Isso também duplicou meu stress porque os dois sapos voltaram para mim, já meio mastigados e mais melecados, tive que fazer tudo de novo! Bem agora, que eu já tinha outros dois projetos ótimos com prazo vencendo e não estou podendo me dedicar a eles como gostaria.

Felizes aqueles que temperam o sapo com amor e paciência e o comem já pela manhã, assim passam o resto do dia livres. De repente podem até descobrir que ele não era tão ruim assim e mesmo se for, o desgosto será o mesmo de quem adiou, só que acaba rápido e os deixa livres para produzir, para viver com tranquilidade e fazer as coisas agradáveis ou até bobas que eles desejam fazer. A sensação de missão cumprida nos alivia.

Agora com licença que vou lá temperar os sapos e me livrar deles o mais rápido possível…

Anúncios

Gostei do anúncio da Ford:

“Minha empresa eu deixo para minha família.  Meu sítio eu deixo para o meu afilhado.  Minha coleção de relógios eu deixo para meu neto.  Mas o tubo que surfei em Noronha, este fica comigo…”

voltando ao abacate, eu uso tb como uma “margarina” para fazer patês, que duram no máximo 24 horas, sempre na geladeira.

Cozinhe uma batata média e amasse bem.  Pique ervinhas diversas a gosto, por ex. salsinhacebolinha com mangericão ou com hortelã.  Pique um tomate em pequenos quadradinhos, tirando as sementes.  Amasse um abacate pequeno com sumo de meio limão.  Tempere com azeite e sal ou tempero pronto de alho e sal. Se não estiver de regime, acrescente uma colher de sopa de maionese…

pronto, é um patê diferente e saudável!

Crianças de 4, 5 e 6 anos fechadas sozinhas em uma sala recebiam 1 marshmallow e uma oferta: caso esperassem 15 minutos sem comê-lo, ganhariam mais 1 marshmallow e poderiam comer os 2 após os 15 minutos. No TED o  Colombiano Joachim de Posada mostrou, com vídeos engraçados das crianças, este grande segredo para o sucesso! São 6 minutos de “palestra” e muitos dias para pensar e colocar em prática…

Segundo o livro de Inteligência Emocional, de Daniel Goleman, as características que nos levam ao sucesso são: autoconhecimento, autocontrole, automotivação, empatia e habilidade de relacionar-se.

Que tal aproveitarmos o dia mundial da água para cuidar mais dela?

Leia o que o Mundo Melhor diz sobre a água, eu aprendi algumas coisas já que  faltei em muitas aulas de geografia…

http://msn.bolsademulher.com/mundomelhor/dia_mundial_da_agua-69807.html

esqueci de destacar que na matéria sobre consumismo infantil da qual participei tem dois links importantes:

Publicidade Infantil Não  manifesto pelo fim da publicidade e da comunicação mercadológica dirigida ao público infantil.

Formulário de denúncia do projeto Criança e Consumo do Instituto Alana.

Super nutritiva, boa e barata esta sobremesa. Dá algum trabalho só para fazer o doce de batata-doce, depois basta arrumar o “barquinho” em 1 minuto e deliciar-se sem culpa.

Descasque a batata doce, pique em rodelas ou cubinhos e ferva com alguns cravinhos da índia e açúcar a gosto, até amolecer. Pronto, este doce é simples, barato, saboroso e dura bastante na geladeira.

Parta um abacate no meio e preencha o “buraco” com o doce e sua calda, acrescentando frutinhas cristalizadas se quiser.

Aproveite a época do abacate! Muita gordura boa (insaturada), proteínas, vitaminas A, B e C, ferro, cálcio, fósforo, magnésio e fibras. Excelente para a saúde, desde que comido com moderação, claro. Fique por dentro dos detalhes no Site Médico.

A batata-doce também é saudável a ponto de constar na seleta lista dos alimentos funcionais. Ela está disponível o ano todo na maior parte do Brasil, sorte nossa! Saiba mais no site da Embrapa.

Próxima Página »