setembro 2011


A conta investimento foi criada há 7 anos atrás para que o investidor pudesse movimentar o seu capital de um investimento para outro sem pagar CPMF a cada movimentação. Com o fim da CPMF, o Banco Central determinou até outubro deste ano para todos os bancos extinguirem estas contas. A maioria dos bancos já o fez. Só que…

A conta investimento também nos dava a ótima possibilidade de investir em qualquer banco, mesmo sem ser correntista dele. Contas correntes custam caro e a conta investimento não tinha custo algum! Ainda podemos ganhar um desconto ou até isenção das tarifas bancárias se tivermos um grande volume de dinheiro investido ou vários produtos como seguros e consórcios, ou ainda muitos anos de relacionamento.

Anúncios

Para quem está pensando em fazer uma cozinha americana:  http://mdemulher.abril.com.br/casa/reportagem/decoracao/cozinha-americana-conheca-vantagens-desvantagens-curiosidades-639233.shtml

E dezenas de ideias para aproveitar melhor o espaço:

http://mdemulher.abril.com.br/casa/fotos/decoracao/pequenos-ambientes-dicas-segredos-aproveitar-melhor-espacos-637253.shtml#1

 

http://mdemulher.abril.com.br/casa/reportagem/decoracao/como-aproveitar-melhor-ambientes-pequenos-637883.shtml

 

 

Mais uma estranha comparação, desta vez dos líquidos mais caros, incluindo o sangue humano, petróleo e penicilina…

O blog visual.ly representa em forma de infográfico os líquidos e seus preços. Adivinhem qual é o mais caro! Aproveite para passear no blog, que tem vários infográficos lindos.

UOL mostra que produtos você pode parar de comprar, que não fazem sentido, não valem à pena.

Concordo com todos e ainda acrescento:

1. Panos de limpeza, incluindo de chão – dá para aproveitar roupas velhas e panos velhos de cama e mesa.

2. Esfoliantes – veja o post com várias receitas caseiras.

3. Alimentos com muita química, mais ingredientes artificiais do que naturais.

4. Iogurte – compre um copinho de iogurte natural de vez em quando e faça a sua própria coalhada. Se quiser sabores, misture com frutas puras ou geléias.

5. Limpadores multi-uso: a mistura 1/3 de vinagre e 2/3 de água + 1 colher de suco de limão limpa muito.

Você tem acompanhado as notícias sobre a taxa de juros?

Copom baixa juros para 12% ao ano

Mercado derruba projeções de Selic e PIB para 2011 após Copom indicar mais cortes nos juros

Entidades elogiam redução de juros, mas com ressalvas

Juros para financiamento de carro atingem menor nível desde 1995

“Nunca me esqueço quando meu pai me mostrou que é possível fazer muito com poucos recursos ao tomar banho com uma jarra d’agua… Minha avó imigrante japonesa falava sempre “Mottainai” = não desperdice. Explicou que recursos materiais não tem valor apenas financeiro, pois o alimento que temos a mesa recebeu energia do sol, da terra e da agua, foi colhido e plantado por alguém, para então ser vendido e preparado para nós – enfim, não desperdiçar é demonstrar solidariedade, respeito e gratidão pelos homens e pela natureza… ”   

Achei lindo demais este conceito que minha cliente me ensinou e fui perguntar ao Google!

A revista Mundo OK explica bem a filosofia Mottainai, especialmente aplicada ao meio ambiente. Ela teve origem na China com o budismo e conficionismo, mas é bem conhecida no Japão também.

Ideia Sustentável mostra de onde veio a palavra e estimula o consumo ético conforme o Mottainai.

Caminhos alternativos vai além e diz que o conceito abrange todo e qualquer desperdício, de carinho e qualidades profissionais inclusive!

Tem um blog Mottainai.org para você acompanhar as novidades sobre o assunto.

É isso aí, vamos poupar e preservar!

A HSM trouxe alguns exemplos de empresas grandes que usam desenhos simples como os de guardanapo, imagens para transmitir ideias, em grandes projetos e assuntos muito sérios. O estranho é que em um artigo sobre imagens, as imagens não estejam lá na versão online, você pode vê-las por aí como neste blog.

Um livro sempre citado neste assunto das ilustrações é o The Back of the Napkin. Cliquem nos guardanapinhos para ver min-tutoriais (em inglês) sobre como iniciar um desenho deste tipo bem simples.

Sensacional mesmo é o New York Times que tem uma página inteira só de figurinhas destas sobre investimentos e finanças.

Próxima Página »