rever o natal dividaUma pessoa costuma gastar mais do que ganha e com isso normalmente usa o cheque especial. Ela é uma compradora compulsiva e está sempre gastando.

Sua renda padrão é de R$ 10.000,00 e gastos de R$ 11.000, portanto um saldo negativo de R$ 1.000,00. O cheque especial dela custa 10% de juros e portanto ela paga 100,00 e fica com saldo negativo de R$ 1.100,00. Agora ela tem dois problemas: o consumismo que a leva a gastar mais do que ganha e portanto é a origem da dívida e os juros do cheque especial que entram como uma despesa cara e da qual não se usufrui nada além do alívo da ansiedade de gastar. Continuando neste ritmo,  a cada imprevisto ela usará mais dinheiro ainda do cheque especial e a dívida crescerá rapidamente.

Se ela utrapassar o limite, pagará tarifas altíssimas diariamente (neste caso acho justo) e terá agora 3 problemas a resolver, o que provavelmente a levará ao CCF.  Para “limpar” o nome ela terá que desembolsar mais dinheiro. Se contratar um empréstimo para quitar o cheque especial, ela pagará IOF, tarifas e seguro, além dos juros do empréstimo, é claro. Com todos estes problemas, ela está longe de resolver o consumismo, pelo contrário, continua comprando compulsivamente…

POR ISSO PENSE BEM, MAS MUITO BEM MESMO, ANTES DE SAIR GASTANDO DO CHEQUE ESPECIAL OU CARTÃO.

Anúncios

Perdoem-me por ter sumido, no momento meu sobrenome é trabalho! Em breve espero descansar e recarregar as baterias.

Perder dinheiro todos perdem, ele circula e a mesma nota que saiu de suas mãos pode voltar para você e ser usada, ou investida e gerar mais notas iguais…

Tempo não, este momento nunca mais voltará, nós mudamos assim como tudo à nossa volta. Perder um minuto que seja é definitivo, este minuto é irrecuperável.

Um abraço

Andréa

Se você gosta demais de comprar, aprenda vendas e marketing

Faça isto primeiro para ver o outro lado da mesma moeda, sempre muito importante. Descubra porque dizem que o produto mais vendido do mundo é a ilusão. A ilusão de ser mais do que se é: uma pessoa mais bonita, poderosa, feliz, rica, estilosa, descolada e saudável. Sim, pode-se comprar beleza, poder, riqueza, alegrias, estilo e saúde, mas só até certo ponto e desde que você tenha dinheiro para isso. Nos cursos de vendas e marketing ficará mais claro para você até onde é verdade e onde começa o exagero e a maquiagem da verdade. Desde quando alimentos light ou diet são necessariamente mais saudáveis? Você ja reparou nos transtornos causados pela troca anual das roupas e acessórios, do carro, dos móveis, do celular e do computador? Será que o benefício associado àquele produto ou serviço que você está adquirindo não seria uma ilusão que vai lhe causar muita frustração?

Conhecer os scripts de vendas é obrigatório para quem costuma cair no consumismo. Algumas pessoas sentem-se enganadas e arrependidas ao perceber o tamanho da influência que palavras, sons, cheiros e imagens exerceram sobre ela e a fizeram gastar mais do que deveriam. Dali em diante, elas já estarão mais espertas e fortes, aptas a negociar com um vendedor com mais igualdade. Entendendo melhor como funciona a técnica de vendas, você poderá fazer  compras melhores e mais conscientes. Quando atacado por um esquema tático agressivo de vendas (isso é bem mais comum do que supomos) você terá mais condições de defender-se. Quando chantageado por situações que provocam suas emoções, você terá mais facilidade de reconhecer a manipulação e será menos frágil a ela. Quando abordado por um vendedor chato e despreparado, você terá mais paciência com ele, enxergando o ser humano que está trabalhando duro e merecendo o seu respeito, mas talvez não o seu dinheiro.

Mesmo que você não seja consumista, saber vender é essencial. Aprenda sobre isto de qualquer maneira, em livros, cursos e na prática. Todos nós deveríamos aprender a promover, já que dificilmente alguém passará uma vida inteira sem ter que vender algum produto, serviço ou ideia e negociar. O marketing está em tudo, convivemos com ele o tempo todo, precisamos conhecê-lo e fazer uso dele de maneira consciente e ética. Vender pode ser ajudar o cliente, conhecer pessoas surpreendentemente interessantes, fazer negócios em que todos saem ganhando, superar a vergonha, seguir em frente depois de ser contrariado, persistir depois de ser rejeitado, aprender profundamente sobre o produto ou serviço que você vende, contornar obstáculos, ajudar a empresa a crescer, acompanhar os resultados da sua venda. Enfim, promover alguma coisa e vencer pode ser sim super divertido.

Espero você nas próximas palestras que começam na segunda-feira!

Orçamento é para você?  Conheça as vantagens e desvantagens de se ter um orçamento pessoal e como cada perfil se comporta nele

Orçamento Inteligente  Elabore um plano de contas sob medida para você e use esta poderosa ferramenta para turbinar suas finanças

Financiar x Poupar   História dos irmãos gêmeos que agiam de maneira diferente com relação às finanças

Chega de Dívidas  Equilibre suas contas para usar todo o seu dinheiro com mais liberdade e tranquilidade

O que você faz para mudar os resultados financeiros de maneira efetiva? O primeiro passo é a sua educação financeira!

Nesta semana tem mais palestras, garanta já a sua vaga:

 

Orçamento Inteligente  Elabore um plano de contas sob medida para você e use esta poderosa ferramenta para turbinar suas finanças

Chega de Dívidas  Equilibre suas contas para usar todo o seu dinheiro com mais liberdade e tranquilidade

ps: logo by Caio Borges do Estudio Onze.

A maioria das pessoas está acompanhando as notícias de redução de juros e ficando animada com a possibilidade de financiar um carro ou apartamento sem aquela coisa de levar um e pagar por dois. O total pago será reduzido desde que nada mais mude além da taxa de juros. Atenção: caso o prazo fique maior, a parcela menor, ou se elimine a entrada, você pode continuar a ter o mesmo prejuízo ou até mais. Exemplo:

R$ 21.500,00 financiados em 3 anos com parcelas de R$ 1.000,00 e juros de 3% ao mês resultam em R$ 36.000,00.

Reduzindo os juros para para 2% ao mês, mas aumentando o prazo para 4,5 anos e reduzindo as parcelas para R$ 650,00 o total gasto será 35.750,00 – praticamente a mesma coisa.

Veja que pode parecer um alívio para quem paga ter parcelas 35% menores, um prazo 50% mais longo e juros 33% mais baixos. Parecem 3 boas notícias, mas a única boa mesmo é a dos juros menores.

Inscreva-se nas minhas palestras virtuais, algumas são gratuitas e começam em julho!

Orçamento é para você?  Conheça as vantagens e desvantagens de se ter um orçamento pessoal e como cada perfil se comporta nele

Orçamento Inteligente  Elabore um plano de contas sob medida para você e use esta poderosa ferramenta para turbinar suas finanças

Financiar x Poupar   História dos irmãos gêmeos que se comportavam de maneira diferente com relação às finanças

Chega de Dívidas  Equilibre suas contas para usar todo o seu dinheiro com mais liberdade e tranquilidade