O trabalho voluntário é um favor aos outros e a si mesmo. Para começar, inspire-se nas histórias a seguir, pegue um dado e siga as casas do desenho. É fácil ajudar!

E se a gente vivesse sem dinheiro? Por um mês, a Bia tentou não pôr a mão no bolso. E, assim, vivendo na pindaíba, ela descobriu o real valor do que consome, veja o relato dela em Minha vida sem grana.

Em um mundo onde tudo já está pronto e à venda, parar e encontrar tempo para produzir algo por si mesmo Com a mão na massa pode ser fonte de satisfação e de relaxamento.

Em Graças à vida leia como ser grato ajuda a lembrar que a vida é boa e vale a pena ser vivida. Tão elementar quanto a existência, ela fortalece nossas relações e nos dá a melhor vida possível.

Me chamou a atenção na entrevista do Reynaldo Gianecchini como ele falou sobre as mudanças de rumo, o planejamento que “deu errado” e como ele lidou com isso.

Impressionante artigo da Revista Piauí, A Epidemia de Doença Mental – longo, mas para mim pelo menos, valeu cada minuto de leitura.

Tá bom, eu prometo mudar de assunto… 🙂

Ao escolher um imóvel para comprar ou alugar você considera a iluminação? Quem está construindo, lembre-se deste item tão importante!

O blog Amélias traz um ótimo artigo sobre a influência da iluminação e até mesmo das cores (afinal elas podem refletir mais ou menos luz) na sua saúde e qualidade de vida.

Horta caseira, todo mundo deveria ter uma!

Você perfuma e enfeita sua vida com as ervas e hortaliças, economiza um dinheiro que seria gasto no supermercado ou feira, desenvolve o contato com a natureza nesta atividade terapêutica, aprende a respeitar as plantas e sua milenar sabedoria para adaptar-se e contornar as dificuldades naturais, brinca de temperar azeite e vinagre, repele insetos e estimula as sensações  com aromaterapia, briga com o matinho que teima em aparecer, prepara chás, molhos, sorvetes e saladas fresquinhas…

Entenda e cuide da perigosa mania de controlar tudo com Alguma Coisa Está Fora da Ordem. Eu lido com planejamento meu e dos clientes, sei que quando afundamos demais nos detalhes podemos facilmente nos perder e sei que controlar tudo é uma ilusão e uma forte causa de stress. De fato, conforme cita o ótimo artigo da sempre ótima revista Vida Simples, controle levado ao extremo é parte do comportamento de um psicopata. Descubra o seu ponto de equilíbrio que não seja deixar o barco totalmente solto pelas marés nem manter as rédeas curtíssimas o tempo todo.

Admita que o trânsito irrita em Sobre Carros e Lobos. O que fazer com o caos dos congestionamentos e a violência no trânsito das grandes cidades brasileiras? Uma postura mais cordial e menos egoísta, mais racional e menos selvagem sem dúvida ajudam. Usar menos e melhor o automóvel também, ainda se vê muito pessoas sozinhas em carros grandes percorrendo pequenas distâncias.

Pense na diferente experiência de cultivar seu próprio alimento com De Volta ao Campo.  Exemplos do Brasil e da França mostram pessoas investindo no mercado de orgânicos e mudando de vida.

Quais são os países com maior índice de bem-estar, onde as pessoas vivem melhor?

O Gallup mostra o mapa da felicidade, com países escandinavos em alta e o Brasil em 15º lugar.